Aba 1

NOTÍCIAS Cotações

Soja: Mercado estável nesta 6ª feira na Bolsa de Chicago, mas ainda sinaliza pressão 26/07
Os preços da soja, nesta sexta-feira (26), operam com estabilidade na Bolsa de Chicago, após novas baixas registradas no pregão de ontem, de mais de 8 pontos nos principais contratos. Os futuros da oleaginosa tinha pequenos ganhos de 0,50 a 0,75 ponto, por volta de 7h55 (horário de Brasília), com o agosto sendo cotado a US$ 8,83 e o novembro, US$ 9,00 por bushel. O mercado busca se estabilizar depois de receber mais notícias...
Ver mais
Com cautela, mercado da soja em Chicago retoma movimento de alta iniciado na sessão anterior 25/07
Para analista, até a divulgação do próximo relatório do USDA em agosto, preços devem oscilar entre US$ 8,80 a US$ 9,10 por bushel O mercado da soja opera no pregão na Bolsa de Chicago com leves altas nesta quinta-feira, e dá sequência ao movimento iniciado na sessão anterior que encerrou com ganhos de pouco mais de 4 pontos nas posições mais negociadas.  O mercado tenta se...
Ver mais
Soja: Em Chicago, indefinições sobre a safra e clima tiram direção do mercado 23/07
Após iniciarem o dia com estabilidade, as cotações da soja negociadas na Bolsa de Chicago voltaram a recuar no pregão desta terça-feira (23) na Bolsa de Chicago. Perto de 11h35 (horário de Brasília), os preços perdiam entre 5,50 e 6 pontos. Assim o contrato agosto era cotado a US$ 8,82 por bushel, enquanto o novembro voltava aos US$ 9,00. Na sequência, os preços amenizaram as baixas, que voltaram a variar...
Ver mais
Soja recua nesta 2ª feira na CBOT com previsões indicando clima mais favorável nos EUA 22/07
O mercado da soja opera em baixa nesta segunda-feira (22) na Bolsa de Chicago. As cotações perdiam mais de 6 pontos nos principais contratos e, por volta de 7h40 (horário de Brasília), o agosto tinha US$ 8,95 e o novembro, US$ 9,13 por bushel. Depois de um final de semana de calor intenso e tempestades nos EUA, as previsões atualizadas no último domingo indicam condições favoráveis para o Corn Belt nos...
Ver mais
Dólar opera em queda, após 2 dias de alta 17/07
Na véspera, moeda dos EUA fechou em alta de 0,35%, a R$ 3,7693.   O dólar opera em queda nesta quarta-feira (17), ainda em meio ao otimismo ligado à reforma da Previdência e ao ambiente político, e operava descolado do exterior, onde há cautela renovada ligada à disputa comercial entre Estados Unidos e China. Às 13h28, a moeda norte-americana recuava 0,25%, a R$ 3,7598. Na véspera, o...
Ver mais
Morgan Stanley vê dólar a R$ 3,65: veja as ações mais beneficiadas e mais prejudicadas 16/07
Morgan acredita que o dólar possa cair mais nas próximas semanas se a economia da Previdência for de R$ 700 bilhões ou mais.   SÃO PAULO - Em pouco mais de 45 dias, o dólar caiu da casa dos R$ 4,10 para atuais R$ 3,75, voltando para patamares não vistos desde fevereiro. Apesar de uma ótima notícia para o turista que está indo para fora do País, na bolsa as ações têm...
Ver mais
Soja repercute números do USDA e volta a cair nesta 3ª feira na Bolsa de Chicago 16/07
O mercado internacional da soja opera em baixa nesta terça-feira (16) com os preços reagindo ao boletim de acompanhamento de safras que o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) trouxe ontem, no final do dia. As cotações recuavam, por volta de 7h55 (horário de Brasília), perdiam entre 6 e 6,50 pontos, com o agosto sendo cotado a US$ 8,95 e o novembro, US$ 9,13 por bushel. O USDA surpreendeu ao aumentar em 1...
Ver mais